Pagine

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Esse homem tomava banho em um banheiro público para esconder da família um grande segredo


Eu me sujava fazendo o serviço, mas não queria que as minhas filhas soubessem em que eu trabalhava. Então eu ia a banheiros públicos tomar banho todos os dias. Eu queria pagar os estudos da minha filha. Eu poupava cada moeda que ganhava e usava na compra de material escolar para ela. Nem quando a minha camisa estava rasgada e suja eu comprava uma nova. Eu não queria que ninguém humilhasse a minha filha do jeito que me constrangiam. Eu queria que ela crescesse orgulhosa e forte. Eu usava o dinheiro para comprar os livros dela. Eu trabalhava de gari. Certo dia, a matrícula da minha filha venceu, mas eu não tinha dinheiro. Eu me senti tão mal. Falhei com ela. Não consegui arranjar dinheiro suficiente. Pensei em ir para casa dizer à minha filha que não podia pagar a matrícula dela. Nasci pobre. Seria sempre pobre. Não conseguia escapar disso.

No fim do dia, os outros trabalhadores se aproximaram de mim. Tentaram me entregar o que ganharam naquele dia. Eu disse que não poderia aceitar. Era demais. Mas eles faziam questão. Disseram: "Somos irmãos. A sua filha também é nossa filha.
Daquele dia em diante passei a tomar banho em casa e assumir minha vida de catador de lixo.

Pouco tempo depois minha filha se formou. Às vezes ela me visita no trabalho e traz comida para os meus colegas. Eles perguntaram a ela: "Por que você nos dá comida?" Ela disse: "Uma vez vocês deixaram de comer por minha causa. Agora eu retribuo.

Embora eu tenha nascido pobre, não me sinto mais pobre. Hoje sei que tenho a minha família e, por isso, sou rico.

É comum não agradecermos aos nossos pais o suficiente por tudo o que fazem. Como você agradece aos seus pais por seus sacrifícios?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.